quarta-feira, 15 de novembro de 2017

tipo de leite materno

Que a amamentação fornece todos os nutrientes necessários para o bebê até os seis meses de idade, você provavelmente já ouviu falar. 

Mas sabia que existem diferentes tipos de leite materno?. 

A composição pode variar de acordo com a idade da criança, o período do dia e a alimentação da mãe.


Colostro

O colostro é amarelo, viscoso e levemente salgado. Tem alto valor nutritivo e transmite ao bebê os anticorpos da mãe, protegendo-o contra doenças. Ele é rico em imunoglobulinas, vitamina E (anti-hemolítica nesta fase), vitamina A (integridade celular), colesterol (para desenvolvimento cerebral e mielinização). Sua composição química é laxativa, o que favorece a liberação do mecônio (primeiras fezes do bebê, que contém resíduo do líquido amniótico).

• Até o 7º dia = colostro

• Entre o 7º e 15º dia = leite de transição

• Após o 15º dia = leite maduro


Leite Maduro

É produzido após o 15º dia. O leite é mais claro, translúcido. Pelo aspecto claro, muitas mães pensam que o leite está “fraco”. Porém o leite muda de aspecto de acordo com as necessidades do bebê. 

Não existe leite fraco.
O leite de vaca tem aspecto mais “forte”, porém ele contém altíssima quantidade de cálcio, que é prejudicial ao sistema renal dos bebês humanos.

Leite Anterior e Posterior

Nos primeiros 10 minutos é o leite anterior, que tem mais água, e a função é matar a sede do bebê, que não necessita de complemento de água. Nos segundos 10 minutos produz o leite posterior, que tem mais gordura e engorda o bebê.

A cada mamada deve-se realizar o rodízio das mamas, sempre começando pela mama em que o bebê terminou a última mamada. 

Mesmo no período de amamentação poderá ocorrer uma nova gestação, assim sendo há necessidade de contracepção que será orientada pelo seu médico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

obrigada pelo comentário!