sexta-feira, 1 de junho de 2012

Culpa Não!

Ontem participei de um brunch com outras mães lá na Redação da Revista Pais e Filhos. O bate papo é o primeiro do projeto Culpa Não, idealizado pela Diretora Editorial da revista, Mônica Figueiredo (ex Editora Chefe da Revista Capricho, ídala da minha geração).




“Então nasce o bebê e com ele nasce a mãe e, com ela, nasce a culpa. “Não consegui amamentar”, “Dou papinha”, “Não tenho tempo livre para meus filhos”... Este desejo-irracional-de-busca-da-perfeição-impossível parece fazer parte do conceito de maternidade. “Mãe é tudo”, “Mãe é mãe”, “Mãe sabe tudo”. Sim, ser mãe é maravilhoso, mas como sabemos, não existe perfeição, não existe certo absoluto, não existe só uma maneira de fazer as coisas. Por isso criamos a campanha Culpa, Não!”



Serão diversos temas ao longo do ano para discussão entre as mães e o tema deste primeiro bate papo foi sobre as papinhas industrializadas e claro, a culpa que muitas mães tem ao abrir o primeiro, segundo e o enésimo potinho. Foi interessante conversar com mães que pensam de maneiras diferentes, algumas aceitam na boa a papinha ... cof... enquanto outras resistem bravamente e só lançam mão deste artifício em casos de extrema necessidade. Tem até quem come a papinha junto com o filho! Adorei a idéia do projeto e mais ainda a possibilidade de conhecer outras mães lá na revista.

Hoje em dia faço uso das papinhas somente quando vamos sair pra algum lugar que não consigo alimentá-lo e Dudu aceita numa boa. Quando viajamos ele se alimenta exclusivamente de papinhas e pronto, dessa culpa eu não morro, sabe? Durante a semana Dudu se alimenta bem na escola, quando estamos em casa aos finais de semana geralmente tem comidinha feita em casa, mas se vamos sair, passo a mão num pote de papinha pronta e vamos ser felizes!

Cada mãe ganhou uma sacola com duas camisetas, revistas, um colar fofo e claro, papinhas

Camisetas para mães e filhos

Redação

Mais redação. Lugarzinho delícia, né?

Brunch

Mulherada

A equipe

Mônica Figueiredo soltando o verbo
Quero agradecer ao Francisco pelo convite e todo o pessoal da revista pela ótima idéia! Quero mais! Assinado, Rainha da Culpa Materna.

Se quiser saber mais sobre o Culpa Não e participar dos próximos bate papos, acesse aqui o manifesto e aqui a página no Facebook.


E você, é adepta do uso de papinhas?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!!