segunda-feira, 12 de março de 2012

Profissão Mãe e Pediatra - Como qualquer outra mãe


Quando digo que sou pediatra , as pessoas me dizem que bom, você cuida da sua filha!! Mas as coisas nem sempre funcionam desse jeito afinal sou mãe!

Vou contar um pouco da minha história!

Quando fiquei grávida o primeiro susto, entrei em trabalho de parto prematuro com 28 semanas e ai veio meu primeiro stressserá que vai nascer? E o peso? Vai pra uti, o que eu faço? Bom, repouso sem plantão até o parto.

Maria Clara nasceu bem, com saúde e com 38 semanas, na hora de amamentar adivinha? Tive mastite, tendo que entrar com complemento logo de início. Imagine, como uma pediatra não vai fazer aleitamento materno exclusivo?! Nem sempre as coisas saem como planejamos.

Conclusão: alergia a lactose até os 4 anos imagine se não fiquei estressada?! Só eu, porque ela, tirou de letra!

E assim como toda a criança ela me deu vários sustos, ficou doente (como toda a criança), caiu de 1 metro na escola (tambem não é nenhuma santa), enfim quase surtei várias vezes.

Hoje ela esta ótima tem 8 anos é saudável, inteligente, linda (me perdoem mãe só faz elogios), e eu continuo estressada e neurótica por ela.

Meu proximo estress é a primeira viagem com a escola que ela vai dormir fora, passará o fim de semana. Me desculpem, imaginem com estou afinal sou uma mãe com qualquer outra.

PATRICIA.

4 comentários:

  1. As cobranças devem ser enormes né!
    Suas e da sociedade rs

    Acho importante saber separar o lado mãe do lado profissional, se não pira mesmo!
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Adorei o texto!!

    Deve ser mesmo difícil separar a profissional da mãe e acho que as suas cobranças devem ser pior do que as cobranças dos outros. 
    Mas em algum momento se encontra o equilíbrio!!

    beijos

    ResponderExcluir
  3. }Amei!!!

    Tem que saber separar bem as coisas para não pirar!!!
    Beijos,
    Ana Carolina

    ResponderExcluir
  4. às vezes acho que ser pediatra só atrapalha na hora de ser mãe. Porque vc sabe toda a teoria, mas descobre na prática que nem sempre a teoria funciona e aí se estressa.
    Aliás, que mãe não se estressa?

    Bjs

    ResponderExcluir

Agradecemos o seu comentário!!