terça-feira, 27 de dezembro de 2011

Amamentar X Alimentar



Acho que toda mamãe novinha passou por isso. Ainda na maternidade as enfermeiras e médicos ficam insistindo que tem que amamentar. TEM QUE AMAMENTAR! E qual mulher em sã consciência duvida disso? Acontece que essas pessoas falam como se fosse a coisa mais elementar do mundo. E não é! Quisera eu ter colocado o Dudu pra mamar igual nos filmes, onde ele mamaria por um tempo em um seio, depois no outro e dormiria placidamente por três horas até a próxima mamada... não não não, não foi nada disso.

No meu caso eu não tive dor nenhuma pra amamentar, preparei meus seios durante toda a gestação pra não ter as rachaduras. Acontece que meu filho não aceitou o peito. Não aceitou! Desde o primeiro dia, ele foi posicionado, mas não sugava o suficiente, ficava desesperado, chorando, gritando, com a cabeça balançando de um lado pro outro e não pegava o peito. As enfermeiras ficavam me torturando, dizendo que tem que insistir e eu insisti por alguns dias, dando só o peito por alguns minutos e vendo meu filho gritar de fome. Me fala, quem aguenta isso, ver seu filho gritar, você sabe que é de fome, mas que ele não consegue se alimentar?

Essa situação me fez chorar por dias, até que comprei uma bombinha de leite das boas (Philips Avent, excelente!!!) e comecei a tirar meu leite pra dar pro bebê, mas o leite começou a secar a eu tive que usar leite formulado. Foram tantas as críticas! "Ah, mas você tem que insistir" "Não pode dar fórmula" "O bebê vai ter problemas de saúde", etc etc etc.

Mas gente, o que é melhor, Amamentar ou Alimentar meu filho? Com a fórmula meu filho ganhou peso, está bem e saudável. Lógico que eu preferia dar o leite do peito, mesmo porque é muito menos trabalhoso do que ficar usando, limpando e esterelizando mamadeira o dia todo, mas eu vou fazer o que? Ver meu filho ficar com fome e perder ou não ganhar peso (aconteceu nos primeiros dias)?
Sabe, meio que me cansei dessa história, chorei muito por não conseguir amamentar no peito, mas vi não tem jeito mesmo. O importante é que meu filho tenha sim uma boa alimentação, independente do que for. Olha ele aí embaixo, não tá um fofo?



Aos 30 Dias... chorando de fome (brincadeira, era um bocejo)


 E aos 19 meses... tá bom né?

Esse post foi originalmente publicado no auge do meu desespero no Sem Firulas

14 comentários:

  1. Por um mundo... que as mães saiam da maternidade menos neuróticas!

    Eu sofri demais para amamentar... meu bebê vampiro pois era leite com sangue... pensei em desistir muitas vezes.. .mas pela pressão e pela intolerância lactose do Pedro fui em frente...

    mas uma coisa é certa, tudo vai se encaixando é a intuição feminina não falha... depois que viramos mãe então melhora... e tudo q vamos tentando aos poucos vamos acertando.

    bjs o DUDU ta lindo.. um fofo da tia!

    ResponderExcluir
  2. Amamentei enquanto tive leite, e amamentava com os bicos rachados, sangrando, com muita dor. Não desisti. Porém quando os bicos melhoraram, a dor diminui, o leite sumiu. 
    Eu não queria ver meu filho chorando de fome e dei a fórmula sabendo que era melhor ele estar alimentando e não com fome.
    E esse Dudu, posso levar pra casa?

    ResponderExcluir
  3. Pois eh, amamentar coisa tão humana, mas acabou virando um regime autoritário e desumano! massacre total
    nem to exagerando só a gente sabe o que passamos quando pegamos uma enfermeira, ou uma pessoa a favor da amamentação e que o trabalho dela é voltado para consciência do amamentar 
    ou seja
    fala sério
    A gente já sofre por sofrer de querer amamentar e não poder, e tem que sofre pelos cometários e palestras dos outros ...fala sério 
    Alimentar sim, de que forma? leite.....materno ou não!

    ResponderExcluir
  4. tatha sua linda. a gnt tem q fazer o q é melhor pra eles né. e nao, nao é fácil, pelo menos vc tentou.. tem gnt q nem isso faz.
    beijos

    ResponderExcluir
  5. O importante é alimentar. amamentei os meus 8 meses cada. Ja eu, fui criada com mamadeira com maizena e todo mundo ta saudável. Insano é gastar energias com polêmicas. Ninguem duvida q LM é melhor, qdo é possivel. Mas fórmula não é nenhum veneno. O q faz mal é culpa e nem sempre as pessoas nos poupam disso.

    ResponderExcluir
  6. Eu sofri muito, pois meu peito rachou, JM perdeu 500kg e tinha em mente não deixar de amamentá-lo por nada! Até que de tanto tentar e tentar, ele acabou conseguindo mamar... mas olha, demorou... eu entendo vc, por vezes pensei em dar um complemento, mas não dei... cada mãe sabe o que é melhor pra si e pra seu bebê... sem julgamentos...
    Beijos, Genis ♥

    ResponderExcluir
  7. Eu não tive muitos problemas em amamentar(só a Mady), mas entendo quem teve e tem...não é fácil, qdo amamentei a Mady até sangue a menina sugou, não foi nada fácil...mas conseguimos superar,era algo diferente do seu caso...
    Acho q cada caso é um caso e nao tem enfermeira, médico nem nada que ajude e sim o instinto maternal, vc fez oq pôde e com certeza o melhor para seu filho!
    Ele tá lindo e forte oq mostra q na teoria é tuuudo bem diferente na prática nem sempre se conclui oq dizem por ai!
    bjus

    ResponderExcluir
  8. Eu acho que me faltou orientação sabe? É um turbilhão tão grande na nossa cabeça que eu não consegui raciocinar, só pensei que ele não poderia chorar de fome e assim foi. Hoje sustento minha decisão, ´pq ele tá aí lindo e forte, mas mesmo assim eu sei que poderia ter feito diferente!
    Beijos!!!

    ResponderExcluir
  9. Falou tudo Tati!
    Não basta ser a favor, tem que torturar tb? Ai se cada um cuidasse de si né?
    Claro que tem que ter orientação, mas não dá pra impor. Queria amamentar sim, mas não consegui e tenho que lidar com isso!
    Bjs

    ResponderExcluir
  10. Eu sei né Teh, mas vc tá ligada que tem gente que acha que quando uma mãe não amamenta é pq não quer...

    ResponderExcluir
  11. Mas vc amamentou bastante né?
    Eu não consegui, isso me frustra um pouco, mas vê lo bem e com uma saúde de ferro me deixa feliz.
    Quem sabe no segundinho??

    Bjs em vc e no bebê vampiro!!!

    ResponderExcluir
  12. Eu nem problema do seio tive, nada. E tinha um montão de leite, doía, um horror. Mas senhor Dudu não aceitava, era um drama, desesperador mesmo.
    Não foi o ideal mas foi o melhor que pude fazer por ele!

    E não, vc não pode levar Dudu pra casa (só um pouquinho pra eu tirar umas horas de relax, hahaha)

    ResponderExcluir
  13. Sim, concordo! Mas tem gente que não né? Claro que eu preferia ter amamentado até quando fosse possível, mas meu possível foi bem curtinho, hahahaha

    Bjs

    ResponderExcluir
  14. Com certeza é melhor se render as evidências de que nem todo mundo consegue amamentar e ser feliz dando mamadeira. Realmente é uma tortura psicológica o que fazem com nós, as mães, na maternidade e até mesmo em casa.

    ResponderExcluir

obrigada pelo comentário!